Arquivo da tag: Olavo de Carvalho

foro de são paulo sp

Olavo de Carvalho: o pavor da esquerda brasileira

Palmas para o Professor Olavo de Carvalho por revelar ao povo brasileiro o maior esquema criminoso latino-americano de todos os tempos: o Foro de São Paulo. 

Graças a ele, descobrimos que o PT, PSDB, PSOL, PCdoB, PMDB, PP, PSB et caterva são um só partido que fingem fazer oposição uns aos outros com o objetivo de manter o grupinho no poder. Para eles, pouco importa se o governante é petista, tucano ou pmdbista, contanto que seja do Foro de São Paulo, como é o caso dos últimos seis presidentes.

Trocando em miúdos: se você é petista, também é tucano. Se você é tucano, é pmdbista por tabela. Se defende o PSOL ou PCDOB, também é a favor do PSDB e PMDB.

Eles fazem o povo de trouxa quando fingem existir oposição entre PT e PSDB, porque são um só partido: o Foro de São Paulo. Oposição de verdade vem de fora do esquema, como é o caso do Partido Novo, Família Bolsonaro e liberais como Roberto Justus.

Olavo de Carvalho é o pavor da esquerda brasileira.

Anúncios

Stálin e Hitler foram aliados. Aula do Prof. Olavo de Carvalho sobre a II Guerra Mundial

O fracasso retumbante das nossas crianças no aprendizado

Faço minhas as sábias palavras de Olavo de Carvalho. A grande dificuldade consiste em fazer o cidadão comum compreender o enorme perigo que seus filhos e toda a sociedade estão correndo.

Olavo de Carvalho

“O fracasso retumbante das nossas crianças no aprendizado da leitura e da escrita não resulta de nenhum equívoco acidental ou anomalia administrativa, mas da escravização sistemática da pedagogia nacional aos cânones do MARXISMO.

Socioconstrutivismo É MARXISMO. Pior: é marxismo soviético no sentido mais oficial e burocrático do termo. Luria, Vigotsky, Freinet, Emilia Ferreiro – os gurus máximos da educação brasileira – são todos devotos comunistas empenhados em produzir, “per fas et per nefas”, uma psicologia e uma pedagogia fiéis aos cânones do materialismo dialético. Não têm como alvo a inteligência das crianças, mas a utilização delas como “agentes de transformação social”.

Por isso é que sou contra o uso da palavra “doutrinação” para descrever o que se passa nas nossas escolas. Doutrinar é incutir idéias e crenças, o que pressupõe uma mente capaz de recebê-las. O socioconstrutivismo age num nível muito mais profundo, desmantelando a inteligência das crianças na…

Ver o post original 69 mais palavras

Dilma caiu. Grande coisa. Agora a luta real começa.

O impeachment de Dilma Rousseff é uma vitória minúscula perto de tudo o que precisamos derrotar para termos um Brasil livre de ideologias nefastas como o comunismo, nazismo, fascismo e muitas outras defendidas pelo PT, PSDB, PMDB e demais integrantes do Foro de São Paulo e esquema globalista. A luta é muito, muitíssimo maior.

Cassar presidentes e parlamentares corruptos é muito mais fácil que tirar o emprego de professores esquerdistas que querem enfiar ideologias criminosas na mente de nossos filhos.

Prender políticos ladrões é mais fácil que combater a manipulação que a imprensa vendida aos Rockefellers e Rothscilds faz com o cidadão comum, publicando notícias mentirosas e atuando em destruir os avanços da civilização ocidental, com o intuito de transformar o povo em escravos do sexo, do consumo e de seus mais baixos instintos.

Os grandes empresários globalistas têm interesse em um povo dócil e rebaixado ao nível de animais, pois assim concretizam seus planos com mais facilidade. Políticos não passam de marionetes dos iluminatti. Tirar o PT do poder é fácil, o desafio é tirar a influência de seus donos, Itaú e Bradesco.

É muito cômodo cassar o mandato de Eduardo Cunha e Renan Calheiros, mas se o STF, os sindicatos e as universidades não tiverem seus militantes vermelhos expulsos da vida pública, novos corruptos substituirão os antigos e o sistema continuará como está.

Podemos exonerar juízes socialistas, mas de nada adiantará se não combatermos os traficantes e demais criminosos. Movimentos a favor da legalização da maconha e demais drogas servem aos interesses do Foro de São Paulo, dos quais o PCC e as Farc fazem parte. O desarmamento também é pauta de esquerda, pois as mesmas quadrilhas citadas ganham milhões com o contrabando de armas. Viciar os jovens em entorpecentes é algo extremamente lucrativo para a esquerda. Remover agentes da lei de seus cargos é moleza, o desafio real consiste em acabar com o crime organizado, partidos políticos inclusos.

Quando Fernando Collor foi deposto em 1992, houve um clima de renovação, de que finalmente conseguiríamos acabar com a corrupção no Brasil. Grande engano. PT, PSDB, PMDB e Foro de São Paulo não só não a combateram, como criaram o maior esquema de propinas da história da humanidade.

Isso prova que ontem não houve vitória do povo contra o sistema, mas apenas uma vitória do próprio sistema contra alguns de seus elementos podres. Mas tudo está preservado.

Se nada for feito, teremos uma roubalheira ainda maior nos próximos anos, respaldadas pela Constituição de 1988, que deveria ter seu nome trocado de constituição cidadã para constituição CORRUPTA, pois foi feita por corruptos e para corruptos defenderem seus próprios interesses.

O impeachment não deve ser comemorado, pois os bandidos ainda estão à solta. O marxismo-leninismo está ativo e operante, junto ao esquema globalista. A luta está apenas começando e demorará décadas para ser efetivamente vencida. Enquanto houver simpatizantes de regimes totalitários e de agendas degradantes nas escolas, universidades, igrejas, sindicatos, instituições, empresas e em toda a sociedade, não podemos deixar o combate.

Só devemos considerar a batalha ganha no dia em que o último marxista, o último socialista, o último traficante e o último globalista for varrida da face da Terra e as pessoas possam ser realmente livres. Impeachment de Dilma é uma gota no oceano.

A jogada de mestre de Bolsonaro na votação do impeachment

gil jan jean
Estou me rachando de rir do mimimi dos petistas/psolistas/esquerdistas/isentões que estão choramingando porque Bolsonaro citou o Cel. Ustra no discurso dele! HUAHUAHAUHUAHUA!
Senta que lá vem aula de história!
O Glauber Braga, do PSOL (partido de pirocas), citou Carlos Marighella e outros citaram Che Guevara, Fidel Castro e Karl Marx. O primeiro sozinho é responsável por cerca de 120 assassinatos de cidadãos que defendiam a liberdade, quase um terço dos golpistas mortos pelos militares.
Ou seja, em citação de terroristas, candidatos que votaram SIM e NÃO estão empatados. Foram citados os torturadores dos dois lados.

Continuar lendo

Estado Islâmico: o herdeiro do nazismo [Olavo de Carvalho]

Nesta excelente palestra dada por Olavo de Carvalho em 2004 no Clube A Hebraica, ele já tratava de uma questão que ganha força entre os historiadores e filósofos atuais: as enormes semelhanças entre os estados islâmicos e a invasão islâmica atual e o nazismo.

O crescimento islâmico tem características semelhantes ao nazismo, fascismo e comunismo pelo seu caráter revolucionário, antidemocrático, totalitário, estatizante, repressor, de supressão das liberdades individuais, anticapitalista, antiamericano e armamentista. Olavo de Carvalho fala sobre o plano dos muçulmanos de tomar o Ocidente e instalar uma teocracia, anulando todas as grandes conquistas da humanidade até agora, como a democracia, o estado laico e as liberdades individuais. Assista: