Arquivo da tag: comunismo

Entender economia básica: pré-requisito para discutir política

economistas

A despeito de todo o caos instaurado pelos governos do PT e PSDB no Brasil, um efeito positivo tem vindo à tona, mesmo que de modo incipiente: o aumento do interesse do brasileiro pelas questões políticas.

Por outro lado, a falta de conhecimento sobre política pela população como um todo prejudica o debate, pois todos tentam discutir sobre um tema muito complexo sem os fundamentos teóricos necessários.

Por incrível que pareça, os cidadãos mais instruídos se mostram ainda menos capacitados ao debate, por não estar em contato com a realidade nua e crua da economia real ou por terem sido expostos a doutrinas perniciosas como o marxismo, keynesianismo, socio-construtivismo e outras aberrações criadas por intelectuais. Infelizmente, o efeito do estudo dessas matérias resulta no contrário do esperado: o estudante fica MENOS capacitado a discutir política, pois utiliza uma base teórica falsa, sem correspondência com a realidade. Na prática, se mostra mais ignorante em comparação com alguém que nunca estudou.

Este post fala sobre como nossos graduados, mestres e doutores são semianalfabetos políticos, em sua grande maioria:  Recado aos cidadãos mais abastados e instruídos do Brasil

Continuar lendo

Anúncios

13 contradições clássicas da doutrina esquerdista

che_guevara

Jean Wyllys, deputado do PSOL (partido de pirocas), fantasiado de Che Guevara. Quer contradição maior que um homossexual homenageando um guerrilheiro assassino de gays?

Mesmo as pessoas que não se interessam por política percebem claramente que seus princípios se mostram confusos e contraditórios, com milhares de inconsistências. Neste post, os abordarei de forma bem-humorada e descomplicada, de forma a ser entendido por qualquer pessoa.

Vamos fazer uma breve lista, a qual poderia se estender a milhares de itens facilmente:

1 – Esquerdistas são antiamericanos por natureza. Mas na iminência do impeachment, Dilma Rousseff e sua corja foram pedir ajuda aos ianques na ONU, difamando o povo brasileiro e fazendo afirmações mentirosas sobre seu processo de impedimento. Após a análise jurídica, não colou e ela ficou desmoralizada.

2 – Marxistas afirmam que a religião é o ópio do povo. Recentemente, a atriz Letícia Sabatella foi ao Vaticano pedir ajuda ao Papa Francisco para tentar salvar a pele de Dilma e sua boquinha na Lei Rouanet. Em resposta, o pontífice rezou um Pai Nosso, uma Ave Maria e fez um discurso desejando paz e harmonia no Brasil. Esquerdistas se dizes ateus, mas quando estão em apuros sempre recorrem a Deus.

Continuar lendo

Foro de São Paulo: o plano maligno que a esquerda esconde do Brasil

md-foro-sao-paulo-paises-membros

No post anterior, relatei que os 5% de brasileiros mais abastados possuem riquezas, diplomas e prestígio social, mas são semianalfabetos políticos. Leia a matéria aqui. Mesmo com a conta bancária recheada e a parede forrada de diplomas de especialização, mestrado e doutorado, ignoram os findamentos mais elementares de política e julgam saber muito, mas perdem de lavada dos mais humildes no aprendizado sobre o funcionamento da máquina estatal.

Têm enorme dificuldade de engolir o orgulho de admitir o quanto ignoram a teoria política se limitam a repetir chavões e mentiras propagadas pela publicidade governista, professores doutrinados pelo MEC, pela Rede Globo e pela mídia prostituída pela verba de propaganda da “Pátria Educadora” e produzida por jornalistas esquerdistas. A elite brasileira tem uma enorme dificuldade em reconhecer o quanto são manipulados por supostos “intelectuais” e aceitam suas mentiras como dogmas absolutos, impassíveis de questionamento. Um deles é o tema desse post:

O FORO DE SÃO PAULO

Dessas pessoas “superqualificadas”, do alto de seus diplomas de doutores e cargos de presidente, vice-presidente, juízes e proprietários, não conheci uma que soubesse o que é o Foro de São Paulo. Os poucos que conhecem, e reconhecem seu enorme potencial destrutivo, são estudiosos de ciências políticas com viés liberal e/ou conservador (como eu), e gritam aos quatro ventos o perigo desse esquema criminoso. Por que não são ouvidos? A explicação segue abaixo.

Continuar lendo

O Brasil precisa que a verdade seja dita – Vídeo novíssimo de Jair Bolsonaro

Na luta para que o Brasil conheça a verdade sobre o período de intervenção militar, deflagrado pelo discurso de Jair Bolsonaro na votação do impeachment (veja o que ele disse neste link e neste), ele lançou este vídeo para explicar ao povo brasileiro o embasamento mais profundo de sua fala. Assista e faça o maior número possível de pessoas assistirem:

Veja também a versão de Carlos Albero Brilhante Ustra neste link.

A verdadeira extrema-direita: libertarianismo e anarcocapitalismo

Quando se fala na extrema-direita, esqueça tudo o que seu professor de história te ensinou na escola, por apenas um motivo: É MENTIRA. Tudo o que você aprendeu na escola sobre a direita está errado.  Agora você vai conhecer a verdade.

Conforme explicado em artigos anteriores, fascismo e nazismo são de esquerda, ao lado do comunismo. Mussolini dizia “tudo para o estado, nada contra o estado, nada fora do estado”. Confira o discurso de 1922 do Duce neste link. O exato oposto da verdadeira extrema-direita: o libertarianismo, anarcocapitalismo e anarquismo (desconsidere o anarcosocialismo).

Da mesma forma que seu extremo oposto, o comunismo, o libertarianismo e/ou anarcocapitalismo é bastante teórico e utópico e impossível de implementar plenamente na prática. De qualquer forma, tem muitos pontos interessantes de ser estudados.

Assista esse vídeo do canal do YouTube Ideias Radicais e aprenda um pouco sobre a verdadeira extrema-direita:

E POR FAVOR, NUNCA MAIS FALE QUE NAZISMO E FASCISMO SÃO EXTREMA-DIREITA!

SEU PROFESSOR DE HISTÓRIA MENTIU PARA VOCÊ, JUNTO COM A GLOBO E A IMPRENSA. EXTREMA-DIREITA É A AUSÊNCIA TOTAL DE ESTADO E A LIBERDADE ABSOLUTA DO INDIVÍDUO. O EXATO OPOSTO DAS DITADURAS TOTALITÁRIAS DEFENDIDOS PELA ESQUERDA.

Porque o fascismo é de esquerda

Nossos queridos amigos esquerdistas adoram chamar liberais e conservadores de fascistas. Bom, eles adoram chamar qualquer um que seja contra o PT, PSOL, PCdoB ou qualquer partido de esquerda de fascistas.

Eles adotam um conjunto de ideias como um dogma inquestionável e chamam aquilo que concordam de “democrático” e o que discordam de “fascista”, mesmo a verdade sendo exatamente o contrário. Exaltam Cuba ao mesmo tempo que demonizam os Estados Unidos. Invertem os valores de forma grotesca, e qualquer estudo superficial prova a inconsistência ao mostrar que o fascismo converge em quase tudo com o regime de Fidel Castro e contraria o Tio Sam.

Claro que o assunto merece estudos mais aprofundados, mas o vídeo abaixo mostra de forma sucinta que o fascismo é de esquerda:

Mussolini explica porque o fascismo é de esquerda

lula_mussolini

Para quem estudou história do jeito certo, uma das maiores obviedades reside no fato de o fascismo e o nazismo serem de esquerda, como o comunismo. Suas pequenas diferenças e enormes similaridades são evidentes, inclusive o jargão utilizado pelos socialistas até a atualidade.

Nesse discurso de Mussolini, de 1940, no qual ele declara guerra à Grã-Bretanha e França, as palavras “a proletária e fascista Itália”, “plutocracias reacionárias do direita reacionária”.

O lema do fascismo era: “Tudo no Estado, nada contra o Estado, nada fora o Estado.”

Algo comum com o nazismo e comunismo e recorrente entre a esquerda até hoje. Os vídeos abaixo demonstram a perpetuação dos discursos de esquerda de Mussolini, ditador fascista e Luciana Genro, política gaúcha defensora do comunismo e bolivarianismo. Preste atenção nas semelhanças dos jargões.

Assista Mussolini:

Para comparar, assista Luciana Genro falando em seminário do Conlutas, reduto de esquerda marxista: